Sintetizadores da Korg para iPad agora com MIDI Virtual: saiba como configurá-los

Alguns dos melhores aplicativos musicais para o iPad foram desenvolvidos pela Korg. Recentemente, a empresa atualizou o iMS-20, iPolysix e iElectribe com a tão aguardada porta MIDI Virtual. O que isto quer dizer? Simples. Significa que os apps da Korg agora podem ser vistos por outros aplicativos musicais para o iOS. Que tal algumas dicas de como aproveitar este recurso melhor?

Controlando os apps da Korg com outros aplicativos musicais

Todos que acompanham o blog sabem que sou um grande fã do Geo Synthesizer. Ótimo instrumento e grande controlador MIDI para o iOS. Então, vamos aprender a usá-lo para controlar os apps da Korg.

É bem simples. Abra o app que deseja controlar e depois o Geo Synth. Na aba 3, que apresenta as opções MIDI, toque em MIDI config e marque o nome do aplicativo que deseja controlar. No exemplo abaixo, estou utilizando o iMS-20.

A partir daí, é só tocar. Porém, vale lembrar de um detalhe: alguns apps da Korg, principalmente iMS-2o e iPolysix, possuem mais de um instrumento vinculado a canais MIDI. No iMS-20, por exemplo, o canal 1 é o do sintetizador principal, o canal 2 comanda uma das peças da bateria eletrônica e assim por diante. Ou seja, certifique-se de que o Geo ou outro app utilizado está enviando notas para o canal 1.

[app 465224352]

Deixe a criatividade fluir

Com o recurso de Porta MIDI Virtual muita coisa legal pode ser feita com os apps da Korg. É hora de deixar a imaginação fluir, mas vou ajudar com alguns exemplos: controle os apps com outros aplicativos (como o exemplo anterior), utilize os sintetizadores para tocar sequências de aplicativos como o Genome ou arpeggios do Magellan, faça combinações de timbres de dois ou mais sintetizadores, controlando vários deles com o mesmo canal MIDI.

iMS-20 “deslizante”

Se você vai controlar o iMS-20 com o Geo Synthesizer, uma ótima dicar para adicionar os ótimos glissandos e portamentos característicos do Geo ao som do iMS-20 é manter a função MIDI bends desativada no Geo.

No iMS-20, adicionar o efeito de portamento. Recomendo deixar o knob com a metade da rotação.

O resultado por ser visto neste vídeo em que utilizei o iMS-20 para o lead.

Saiba o que mais eles podem oferecer

iMS-20, iElectribe e iPolysix não só oferecem possibilidade de controle de notas via MIDI. Também são capazes de receber controles de diversos parâmetros, que chamamos de MIDI CCs. Conheça a lista de parâmetros editáveis que podem ser enviados por um teclado controlador ou outro app iOS nestes links: iMS-20, iElectribe, iPolysix (página 49 do manual).

Indo um pouco além

Se você já tem um bom conhecimento de MIDI, vale experimentar a combinação MIDIBridge e os apps da Korg. Com ele você poderá adicionar alguns recursos mais avançados à sua performance, como por exemplo decidir quais notas MIDI ou canais irão comandar cada aplicativo, filtrar eventos MIDI e muito mais.

No caso da imagem abaixo, configurei o MIDI Bridge para dividir a extensão do teclado em 2 canais MIDI. Desta forma, posso usar o Geo Synth para tocar 2 apps ao mesmo tempo. A parte de notas mais graves envia mensagens para o canal MIDI 10 e a mais aguda para o canal MIDI 1.

[app 449160859]

Curta e compartilhe!