Coluna do Zakka, Matérias, Notícias, Produção Musical, iPad

Coluna do Zakka: iPad e Guitarra – Criação de layers com os dois instrumentos

Guilherme Zakka março 29, 2012 2 Comments »

Não há mais o que discutir em relação às capacidades musicais do iPad, mas convenhamos: nós, músicos, não podemos depender somente do tablet da Apple para fazer produções musicais. No meu ponto de vista, a grande tacada não é nem deixar os instrumentos tradicionais de lado e muito menos deixar o iPad de fora da brincadeira: Somar os dois mundos sempre trará resultados mais interessantes.

Como prova disso, esta matéria apresentará alguns layers concebidos com apps de iPad e guitarras distorcidas. A ideia destes exemplos é transformar sons vindos destas fontes tão distintas em apenas um timbre. Todos os clips fazem parte dos meus covers de Helix, do Justice, e da música tema de Game of Thrones.

-

Korg iMS20 + Guitarra

Ordem de aparição: Guitarra, Korg iMS20, Ambos e Arranjo Completo.

KORG iMS-20 (AppStore Link) KORG iMS-20
Desenvolvedor: KORG INC.
Preço: USD 29.99
Baixar na App Store!

Essa dupla é excelente para gerar um som agressivo sem ser exatamente intrusivo. Minha ideia era criar uma guitarra base mais presente na mixagem – ao mesmo tempo, sem conflitar com o baixo e a melodia principal.

Criei um som distorcido no Korg iMS20 baseado no preset “Bass 11″. Esse timbre reagiu muito bem à guitarra, que propositalmente está em um volume mais baixo do que o sintetizador – A função dela é apenas enriquecer uma sonoridade já existente. O timbre da guitarra foi obtido no captador do braço, a fim de evitar frequências agudas indesejáveis.

Abaixo, a Waveform de ambos os instrumentos aponta algo importante: O timing de cada nota é crucial para arranjos desse tipo. Isso não significa que necessariamente precisamos posicionar os dois layers de maneira idêntica – afinal de contas, cada um tem características muito peculiares. Algumas notas de guitarra, em lilás, tendem a acontecer um pouco antes do sintetizador, a fim de salientar o ataque da palhetada.

Grande parte das notas está levemente adiantada ao pulso padrão do compasso: Esse é um efeito calculado para justamente dar uma sensação de atraso na bateria. Note também que as notas duram um pouco mais do que tecnicamente deveriam (dois pulsos e pouco em vez de dois pulsos exatos, por exemplo). Isso deixa o arranjo mais natural e menos mecânico.

Por último mas não menos importante, gostaria de esclarecer que às vezes o posicionamento das notas é editado após a gravação – principalmente no caso do iPad, que não provê precisão absoluta na hora de tocá-lo.

-

Harpsichord (Thumbjam) + Guitarra

Ordem de aparição – Guitarra, Harpsichord, Ambos, Arranjo Completo

ThumbJam (AppStore Link) ThumbJam
Desenvolvedor: Sonosaurus LLC
Preço: USD 8.99
Baixar na App Store!

Este exemplo tem um intuito completamente distinto do caso anterior. A princípio, apenas a guitarra seria utilizada, mas o seu timbre relativamente grave não demarcava muito o início das notas. Para valorizar o aspecto rítmico desse riff, o Harpsichord (tocado no app Thumbjam) foi utilizado de maneira sutil. Embora a guitarra e o iPad compartilhem das mesmas notas, isso pouco importa no resultado final: O Harpsichord tem uma função muito mais percussiva do que melódica.

Novamente peço que observem com atenção o posicionamento das notas: Todas estão atrasadas em relação ao pulso do compasso com o intuito de deixar o groove mais interessante. A exceção é a última nota, propositalmente adiantada – dessa maneira, o ritmo é menos óbvio. As notas do iPad (em azul) duram sempre menos do que as da guitarra – afinal de contas, o ataque do Harpsichord é que o está sendo valorizado no arranjo.

-

Sunrizer + Guitarra

Ordem de aparição – Sunrizer, Guitarra, Ambos, Arranjo Completo

Sunrizer synth (AppStore Link) Sunrizer synth
Desenvolvedor: Jaroslaw Jacek
Preço: USD 9.99
Baixar na App Store!

Nesta fusão utilizei o poderoso app de iPad Sunrizer para executar os arpejos do tema de Game of Thrones. O preset utilizado é o Travelling Glide, com um pouco de distorção. O timbre era ideal para criar uma atmosfera ligeiramente futurista na gravação, porém pouco imponente para a importância da frase.

A melhor alternativa foi adicionar um layer de guitarra que ao mesmo tempo imitasse o timbre do sintetizador e adicionasse um teor mais orgânico e agressivo para a melodia. Enquanto as notas do Sunrizer são ligadas (legato), todas as notas da guitarra foram palhetadas (staccato).

Para simular o timbre do sintetizador, a guitarra foi tocada no captador do braço e o knob “tone” do próprio instrumento foi configurado para favorecer as frequências graves.

Nesse caso, utilizei o “Stereo Panning” – o canal esquerdo salienta o sintetizador e o direito enfatiza as guitarras. Repare que, embora a sonoridade dos instrumentos seja similar, as Waveforms apontam suas diferenças: A estabilidade do sintetizador e os ataques acentuados da guitarra (em azul).

-

Bebot + Guitarra

Ordem de aparição – Bebot, Guitarra, Ambos, Arranjo Completo

Bebot - Robot Synth (AppStore Link) Bebot – Robot Synth
Desenvolvedor: Russell Black
Preço: USD 1.99
Baixar na App Store!

Se no exemplo anterior os timbres isolados soavam semelhantes, este caso traz a situação contrária. O Bebot (configurado no modo PWM) tem um som bastante melódico e claro. Já a guitarra (tocada em oitavadas com o efeito flanger) tem um som mais rítmico e poluído.

O resultado final é uma melodia bastante audível com uma textura mais complexa por trás dela.


-

Korg iMS20 + Guitarra – Round 2

Ordem de aparição – Korg iMS20, Guitarra, Ambos, Arranjo Completo

Aqui o conceito é muito semelhante ao primeiro exemplo do artigo. Há algumas diferenças sutis: O ataque da guitarra não é tão salientado, portanto as notas de ambos os instrumentos iniciam ao mesmo tempo. O timbre do Korg iMS20 é mais grave, lembrando muito mais um baixo distorcido do que uma guitarra. E ao contrário do primeiro exemplo, em que notas eram atrasadas ou antecipadas para construir um groove, adotei um rigor rítmico para demarcar o início de cada pulso.


Posts Relacionados

2 Comments

  1. Maycon março 29, 2012 at 2:12 pm - Reply

    O senhor está de parabéns meu caro!
    Excelente post!
    Ótimas dicas!
    Execução maravilhosa!
    Gravação de qualidade!
    Vou favoritar esse pagina e usar esses aplicativos junto com o violão pra ver como fica!

    Obrigado!!

  2. thiago_adamo abril 5, 2012 at 12:02 pm - Reply

    Ótimo post Zakka, não é atoa que tuas músicas são destaque no Synthtopia, eu já faço isso com minhas produções fora do Ipad, mas sempre vale a pena ver outras formas de fazer, muito obrigado pelo post e continue fazendo este ótimo trabalho!

Leave A Response


+ 1 = cinco