Vai comprar o iPad 2, quer fazer música com ele e não sabe qual modelo escolher? Vamos ajudar!

Se você está esperando o início das vendas do iPad 2 no Brasil para comprar o seu, deve saber que o tablet estará disponível para compra amanhã (27/05) na Apple Store brasileira e outras lojas online do país. Porém, pelos e-mails que venho recebendo, muitas pessoas ainda estão inseguras quanto ao modelo a ser escolhido, principalmente aquelas que desejam usar o novo iPad para a música e estão comprando seu primeiro tablet.

O iPad 2 tem 6 modelos disponíveis, sem contar a variação de cores. Eles são definidos pela possibilidade, ou não, de comunicação 3G e por oferecerem 3 diferentes capacidades de armazenamento (16,32 e 64 GB).

Para a música, a escolha do modelo 3G ou somente Wi-fi não faz diferença. A decisão dependerá da sua necessidade de usar o tablet em locais sem internet wi-fi. Porém, a capacidade de armazenamento deve ser observada com cuidado.Para facilitar a sua escolha, vou falar um pouco sobre cada capacidade de armazenamento.

iPad 2 com 16 GB

Dos modelos somente wi-fi, esta é a opção mais barata (ou menos cara) disponível, custando R$ 1.649,00 no Brasil. Com ela é possível armazenar inúmeros apps musicais. Gravação de áudio não é problema para a sua capacidade de armazenamento. As dificuldades começam se você quiser usar o tablet para muitos aplicativos de música, jogos, trabalho e etc. Aí você terá que administrar espaço.

Outro ponto a ser observado é a presença das câmeras de vídeo, inexistentes na primeira geração. Se encher o iPad com 16gb de música e áudio é relativamente difícil, fazer o mesmo com vídeos é bem fácil e rápido, infelizmente.

Mesmo com as limitações de armazenamento, o modelo de 16 GB é ideal para usuários que já compram um tablet pensando no próximo. É o meu caso. Necessariamente preciso estar com o modelo mais novo para falar sobre ele em detalhes por aqui. O mesmo acontece com desenvolvedores. Para este perfil, quase nunca vale a pena investir em modelos com mais memória e bem mais caros, já sabendo que o gadget será substituído em um futuro breve.

Se você for maníaco por aplicativos, fica o aviso. Meu iPad 1 tem 16 GB tomados apenas por apps musicais. Nem o Angry Birds sobreviveu.  :) No iPad 2 coloquei um pouco de tudo, é impossível armazenar os vídeos, músicas e apps que gostaria com esta capacidade.

iPad 2 com 32 GB

Dizem que a virtude está no meio. Talvez isto se aplique ao iPad de 32 GB. Custando R$ 1.899,00 na versão wi-fi, este modelo é 250 reais mais caro que o de 16 GB e 300 reais mais barato que o de 64. Penso que ele tem a medida certa para quem irá trabalhar com música e ainda pretende carregar aplicativos de trabalho, editar e armazenar alguns vídeos, sem ter que se preocupar demais com espaço.

iPad 2 com 64 GB

Por algum tempo, o modelo com 64 GB esteve nos meus planos. Porém, vale a pena investir R$ 2.199,00 em um dispositivo sem nenhuma possibilidade e expansão? Aqui conta a utilização. Se você vai colecionar games, apps musicais, editar vídeos e ainda quer carregar a sua coleção de músicas no tablet, e fará isso de forma frenética, essa talvez seja a melhor opção. Porém, vale pensar que, além de ser o mais caro para comprar, ele será, provavelmente, o mais difícil de vender. Uma busca rápida no Mercado Livre mostra que os iPads usados com 64 gb são os mais “encalhados” do site.

Vale lembrar que sempre há um novo iPad por vir e o próximo modelo já tem melhorias bastante previsíveis. A principal deverá ser o aumento da memória RAM para, pelo menos, 1 GB (em vez dos 512 MB do modelo atual). Sempre é bom reforçar que upgrade de hardware no iPad significa vender um e comprar outro.

Outro detalhe importante antes de comprar seu iPad 2. Há a notícia de uma Medida Provisória do governo brasileiro que irá diminuir os preços dos tablets no país. Também existem os fortes indícios de produção do iPad no Brasil nos próximos meses. Os mais precavidos podem decidir esperar um pouco mais, mas não há certeza sobre quando exatamente esta produção terá início e nem quanto isto diminuirá o preço de venda do gadget.

O melhor modelo a ser escolhido depende da necessidade e do bolso do comprador. De qualquer forma, vale refletir um pouco sobre os pontos acima antes de pegar o seu.

Você já tem algum dos modelos do iPad? Como é a sua experiência com o armazenamento de apps (musicais ou não) e demais conteúdos? Ajude quem vai comprar o seu primeiro tablet! :)

Curta e compartilhe!