Scorio chega ao iPad com proposta que quase deu certo

Se você ainda não ouviu falar do Scorio, trata-se de um sistema de notação musical online, em que tudo que você precisa é conexão com a internet e um navegador qualquer. Você pode gerar partituras simplesmente arrastando as notas na pauta, ou clicando em um teclado virtual. Com alguma prática é possível ter bons resultados. Além disso, o sistema oferece uma base de dados de partituras e possibilidades de compartilhamento e importação de arquivos.

Hoje chegou à App Store a versão para a iPad do Scorio, com o nome Music Notator. O app apostou em uma proposta ousada, trabalhar exatamente com a interface do site, adicionando apenas um teclado virtual diferente para o iPad. Ou seja, tudo que você vê em seu desktop ou notebook é exatamente o que acontece no iPad.

O app é gratuito e a idéia poderia ter dado certo.  Porém, em um teste que realizei com ambos constatei graves problemas de usabilidade na versão para iPad. O tablet não tem mouse e a combinação ponta do dedo + tela do iPad é bem menos precisa do que o velho periférico. É comum adicionar notas quando na verdade o que você queria era apenas selecionar uma nota já existente. A própria navegação pelos links do site ficou pior, mais lenta e menos precisa. Dois dos recursos principais para a edição, a seleção em massa de notas e a reprodução do início, são um tormento na interface funcionando no iPad.

O conceito é muito interessante. Todo o sistema acontecendo online, toda a parte de compartilhamento, etc. É um dos primeiros apps musicais que vejo com esta proposta de integrar um sistema online e a interface do iPad para gerar música. Espero que novas versões ou novos apps do gênero possam apresentar interfaces mais adequadas para o tipo de usabilidade que os usuários tablet merecem.

O Scorio Music Notator é gratuito. Faça o teste e conte pra gente a sua opinião! Ah, é melhor não tentar tocar a minha partitura na imagem que ilustra este post. Eu avisei.

[app 417227998]

Curta e compartilhe!