Especial Musica no iPad, Guias e Tutoriais, Matérias, Notícias, iPad, iPhone/iPod Touch

Música no iPad: gravação de áudio com excelentes resultados

Marcus Padrini dezembro 11, 2010 34 Comments »

Dando sequência ao especial Música no iPad, hoje é dia de falar sobre a gravação de áudio no tablet da Apple. Este até agora foi um dos assuntos mais perguntados pelos leitores em e-mails.

O iPad tem um diferencial para a gravação de áudio: até o momento é o único dispositivo iOS que aceita utilizar interfaces de áudio USB para fazer gravações de altíssima qualidade. Porém, esta é uma história mais recente. Vou falar sobre as três modalidades de gravação com o tablet e esta será a última delas.

Gravando com o microfone embutido

Não espere resultados super profissionais, mas este modelo de gravação pode ser extremamente útil para registro de idéias e, com alguma produção nos próprios apps de áudio, é possível obter resultados satisfatórios, muitos superiores aos que você conseguiria usando o microfone embutido do seu notebook.

Para gravar desta forma, o que você precisa é usar um bom app de gravação e também de um fone de ouvido. A maioria dos apps permite a gravação com o microfone embutido do iPad enquanto você usa o fones de ouvido. Caso decida por usar um headset com microfone, o mic do headset será então a fonte de entrada de áudio.

Neste vídeo ilustro a gravação de um instrumento acústico (flauta) usando apenas o microfone embutido do iPad.

Os apps utilizados foram o iSequence (ótimo sequenciador em que gerei a harmonia da música) e o StudioTrack (ótimo app de gravação da Sonoma Wire Works para gravação multipista no tablet). O processo foi simples: montei uma harmonia no iSequence, copiei o resultado e colei o áudio no StudioTrack, daí foi só gravar a flauta e adicionar efeitos no app.

A maior vantagem deste método é a mobilidade. Um iPad e fones de ouvido e você poderá registrar áudio em qualquer lugar. A desvantagem é a dificuldade para captar adequadamente instrumentos de forma mais pura, como no caso de teclados ou guitarras. O microfone embutido também não terá a mesma resposta de um mic condensador ou dinâmico tradicional.

É bom lembrar que este mesmo processo pode ser realizado em iPhones e iPods Touch (modelos com microfone embutido com com headset com microfone.)

Não se preocupe agora com os apps, ao final do artigo irei listar e apresentar os links dos apps recomendados.

Gravando com o iRig

O adaptador de instrumentos iRig (IK Multimedia) é bastante versátil. Ele poderá ser usado para gravação de áudio em todos os dispositivos iOS. A principal característica deste modo de gravação é que a entrada de áudio será sempre mono (uma entrada P10). Gravar com o iRig mantém a mobilidade. Basta um dispositivo iOS, o iRig, fones de ouvido e um cabo para ligar sua fonte de áudio.

O iRig foi idealizado para conectar guitarras e baixos aos dispositivos iOS, mas também irá funcionar com teclados (ligados em mono) e microfones (com plug P10 e sem a necessidade de Phantom Power).

No vídeo abaixo, mostro como gravar áudio no iPad com o iRig. Foi uma gravação inusitada porque os instrumentos são todos apps musicais do iPod Touch 4G. Repare como, mesmo com a gravação em mono, é possível depois definir o pan (ajuste esquerda-direita) e volume de cada instrumento gravado com o aplicativo utilizado.

Exemplo de outra faixa que gravei da mesma forma:

MultiTrack DAW example by musicapps

As novas possibilidades com o Camera Connection Kit (exclusividade iPad)

Aquele diferencial do início do texto é exatamente este aqui. Com o acessório Apple Camera Connection Kit é possível ligar ao tablet diversas interfaces de áudio USB. O princípio básico de compatibilidade é o mesmo dos teclados MIDI, a interface deverá funcionar sem a necessidade de drivers especiais. Algumas interfaces do mercado oferecem opção para trabalhar com driver especial ou como dispositivo básico de áudio. É o caso da Edirol UA-25 ex.

Hub Alimentado USB

Utilizo esta mesma interface para gravar e tocar ao vivo com notebooks e decidi testá-la com o iPad. Comprei o acessório Camera Connection Kit e também um HUB USB alimentado, já que o iPad não é capaz de fornecer energia suficiente à interface.

Apesar de ser a menos portátil das soluções, já que exige o iPad, Camera Connection Kit, 2 cabos USB e um HUB USB alimentado, esta opção é de longe a mais profissional para a gravação com o tablet. Também é a única opção atual para gravar em estéreo e com baixíssimo nível de ruído. A qualidade do áudio irá depender fundamentalmente da interface utilizada. No caso da Edirol UA-25 ex, ela possui 2 entradas de áudio (P10/XLR), controle de ganho individual de entrada e opção de Phantom Power para alimentar microfones condensadores que necessitem deste tipo de alimentação.

Nem todos os apps de gravação irão funcionar com o Camera Connection Kit, neste caso recomendo e muito o MultiTrack DAW. Apesar de não ter efeitos embutidos, ele é simples de utilizar e reconhece facilmente as entradas de áudio de sua interface externa USB.

Edirol UA-25ex: Observe a chave Advanced Driver. Em off ela está pronta para trabalhar com o iPad.

Segue teste realizado especialmente para este artigo. Gravei o sintetizador Korg Mircrox usando o iPad com o Camera Connection Kit, a Edirol UA-25ex, um hub usb alimentado e o app MultiTrack DAW.

A faixa sem interferências de conversão do Youtube e exatamente como foi exportada pelo MultiTrack DAW:

When The Saints Go Marching In (Recorded using Korg MircroX and the iPad) by musicapps

Copiando e colando áudio

A maioria dos bons apps musicais para iPad possuem o recurso de copiar e colar áudio. Desta forma é possível tocar algo no aplicativo, copiar e colar para outro app de mixagem ou outro app de instrumento musical. Fazes este processo é simples, mas exige cuidados. O maior deles é tentar sempre usar o metrônomo e planejar antes quais são os passos desta gravação.

Apps recomendados

Existem diversos apps de gravação para iOS, alguns específicos para o iPad. Testei a grande maioria, mas me adaptei a poucos. Não que os outros não fossem bons, mas sempre existem detalhes de interface e metodologias de gravação que fazem gostar mais de um app do que de outro.

No iPad tenho trabalhado basicamente com dois aplicativos para esta finalidade: o MultiTrack DAW e o StudioTrack. Eles são muito bons, apesar de serem bastante diferentes. O StudioTrack segue o formato do app 4Track para iPhone, mas com muito mais recursos. O que considero um diferencial importante é a presença de efeitos embutidos, além do suporta ao formato da Sonoma de copiar/colar áudio.

O MultiTrack DAW tem mais a cara de softwares de gravação de PC e Mac, então aprender a usá-lo é extremamente rápido e simples. A falta de efeitos embutidos é de certa forma compensada pela versatilidade de sua interface e pela compatibilidade com o Camera Connection Kit. [Confira o review completo do app]

Este foi o quarto post do especial Música no iPad. Ainda nesta semana, falaremos sobre o iPad como instrumento de performance ao vivo e sobre sua possível importância na educação musical.

Os artigos são diários então fique ligado no MusicApps!

Gostou das informações do post?  Tem alguma outra dica ou dúvida que você gostaria de compartilhar? Mande pra gente com seu comentário abaixo!



Posts Relacionados

34 Comments

  1. Alexandre dezembro 11, 2010 at 11:30 am - Reply

    Olá Marcus, ótimo post. Me tire só uma duvida, tenho uma interface m-áudio fast track pro, seria possível conecta-lá ao iPad? E outra duvida, onde posso encontrar um hub USB alimentado? Tem alguma marca e algum site que venda, que vc possa indicar?

    • Marcus Padrini dezembro 11, 2010 at 4:46 pm - Reply

      Alexandre, pelo que li no manual da fast track pro, ela é class compliant com Macs. Isto quer dizer que ela pode funcionar sem a instalação de drivers. Teoricamente isto ocorre por meio da CORE Midi no Mac, a mesma api de ipads no iOS 4.2. Deverá funcionar sem problemas. Sobre o hub, todos fatalmente vêm da China. Importa apenas que ele seja alimentado por energia elétrica. Você irá encontrá-ló facilmente em lojas de informática e na internet. Grande abraço

      • Toninho Lapetina agosto 22, 2013 at 11:18 pm - Reply

        Ola a todos. Ja que o fast track pro tem uma alimenação alternativa via fonte externa, isso não eliminaria o uso do hub alimentado? Abço!

        • musicapps agosto 25, 2013 at 4:35 am - Reply

          Se ela for compatível com o iPad, sim. Seria uma boa opção.

          • Marcos Fontes março 18, 2014 at 6:28 pm -

            testei minha fast track pro com a alimentação via fonte e liguei direto no Ipad e não deu certo, o Ipad ainda assim aparece uma mensagen dizendo que o dispositivo consome muita enregia e não funciona, resta agora eu testar com um Hub alimentado, será que tem diferença? o meu Ipad é iOS 7 sabe dizer se isso pode ser também o problema?

          • musicapps março 20, 2014 at 2:45 pm -

            Marcos, alguns dispositivos infelizmente possuem em seus projetos a seguinte configuração: quando algum equipamento é conectado à sua porta USB, automaticamente ele irá interromper a alimentação pela fonte de energia tradicional. Isto ocorre com vários controladores, por exemplo. Então, se a fast track puder funcionar com o iPad, o hub alimentado deverá resolver este problema.

  2. Roger dezembro 11, 2010 at 11:49 pm - Reply

    Excelente post.

  3. Douglas dezembro 13, 2010 at 12:30 pm - Reply

    Queria gravar a saída de um mixer no iPad/iPhone, cheguei a comprar o iplugplay mas não tive sucesso, tenho uma audio8 da native instruments a qual uso o traktor scratch pro, com o câmera conector consigo usar a audio8 pra gravar áudio externo?

    Num resumo queria um método pra gravar áudio com qualidade razoável no iPhone/iPad, qual seria a mais pratica?

    • Marcus Padrini dezembro 13, 2010 at 2:04 pm - Reply

      Douglas, isto irá depender se a audio8 é ou não class compliant, ou seja, se ela funciona em computadores sem a necessidade de drivers especiais instalados. Para testar, basta conectá-la a um computador que não possua drivers instalados para a interface. Caso o sistema a reconheça como dispositivo de entrada de áudio padrão a chance de funcionar com a camera kit é bem grande. Dê uma olhada no manual para ver se há alguma informação do gênero. Na internet procurei e não achei esta confirmação. Abraços!

  4. Edson Caetano julho 24, 2011 at 3:58 pm - Reply

    Se, atráves do CCK é capaz de adicionar uma interface de audio, e está tiver conexoes midi, como a Edirol sua, que funcionou direitinho, entáo dá para adicionar teclados por aí tambem, dando mais uma opçao para a gente, vou testar aqui com a Presonus USB e torcer para que funcione…

    • musicapps julho 24, 2011 at 9:51 pm - Reply

      Edson, é mais ou menos isso. Porém, o fato da interface de áudio ser reconhecida não quer dizer que as portas MIDI dela serão. A Edirol funcionou a parte de áudio, mas as portas MIDI não foram reconhecidas. Tem que testar mesmo, é a única maneira de garantir o funcionamento de ambos.

  5. vinicius novembro 18, 2011 at 9:33 pm - Reply

    gostaria de saber se a interface ua-1010 funciona tambem?

    • musicapps novembro 19, 2011 at 7:42 pm - Reply

      Se ela for compatível com Mac sem a necessidade de instalação de drivers, sim. Mesmo que tenha que usar um hub usb alimentado.

  6. Jean D dezembro 12, 2011 at 9:41 am - Reply

    Se eu tiver um microfone, dá pra conectar na saída p2 nativa do ipad?

  7. Vitor Comparini julho 31, 2012 at 12:26 am - Reply

    Grande Marcus
    Primeiramente, parabéns pelo site e pelas matérias, assim como você sou musico e fã de tecnologia.

    Sobre gravações, vou testar o iPad em uma Tascam us144mkII , no site oficial diz que é compatível com mac, portanto como vi aqui, tem tudo pra dar certo, depois posto o resultado aqui.

    Agora, para verificar o resultado em uma gravação, só pelo fone saindo da interface mesmo, ou tem como usarmos um monitorzinho, que sera improvisado ?

    Abraços

  8. Uiracy agosto 2, 2012 at 6:47 pm - Reply

    Olá, parabéns pelo excelente trabalho. Eu gravei uns vídeos caseiros e o som estava normal, agora de repente o vídeo não sai o som e eu nem sei o que aconteceu. Sabe como faço para recuperar o som?

  9. Marcelo setembro 24, 2012 at 11:07 am - Reply

    Olá pessoal, eu comprei o HUB USB com alimentação externa para conectar meu iPad em um Fantom G, mas não estou conseguindo de forma alguma !! Ele da a mensagem " este dispositivo é incompatível " . O meu iPad tem jeailbreaker, teria alguma coisa a ver ? Preciso de uma luz !!!

  10. oswaldo setembro 28, 2012 at 10:32 am - Reply

    bom dia, tenho do ipod e gostaria de colocar musicas neles

    voce conhece quem faça este serviço?

    pode me indicar alguem grato xixo

    • musicapps outubro 16, 2012 at 4:43 pm - Reply

      O iTunes faz isso de graça :) Basta instalar o programa no seu computador Mac ou Windows, importar suas músicas pra ele e depois arrastá-las para o ícone do iPod que aparece na barra lateral esquerda do iTunes. Abs

  11. Leandro Machado novembro 16, 2012 at 12:37 pm - Reply

    Olá!
    Comecei minha diversão no fim de semana passado com o garageband + Irig. Sempre gostei de musica, trabalho com tecnologia, mas só agora me interessei a gravar.
    Encontrei esse artigo quando tentava aprender um pouco mais. Senti que seu blog será um excelente guia para mim.
    Vejo que o Epecial "Musica no Ipad" foi escrito há quase 2 anos e minha sugestão é dar uma atualizada, pois de lá pra cá muita coisa evoluiu, até mesmo com a chegada de algumas interfaces que não necessitam do camera kit, como por exemplo as interfaces da apogee.
    Parabéns pelo blog!

    • musicapps novembro 19, 2012 at 12:12 am - Reply

      Boa observação. Vou arrumar algum tempo para atualizar estes tutoriais. Abs e obrigado!

  12. jlsan81 julho 9, 2013 at 4:39 pm - Reply

    Só uma dúvida crucial para mim: preciso gravar um video com o app camera do ipad e não quero usar o microfone embutido, quero usar um externo.

    com o irig é possível eu fazer isso? colocar uma entrada de audio externa no app camera(viria da mesa de som).

    • musicapps julho 11, 2013 at 4:11 pm - Reply

      Para este caso, a melhor opção seria usar o Camera Connection Kit + uma interface de áudio USB compatível com o iPad, como a behringer UCA-222. Vc entraria com cabos RCA nela, vindos da mesa, e o iPad utilizaria este áudio em qualquer app, incluindo o camera. Abs

  13. Fabiano agosto 14, 2013 at 11:59 pm - Reply

    Marcus, vc poderia me ajudar? Tenho uma interface TASCAM US-200, pelas especificações dela (http://tascam.com/product/us-200/specifications/) parece que suporta Core Audio e Core MIDI (não testei em nenhum Mac, só no Windows onde é necessário instalar o drive).
    Tenho um iPad 4 e pretendo comprar o cabo Lightning to USB Camera Adapter… Será que consigo fazer a interface funcionar no ipad com um hub USB para alimentá-la?

  14. Toninho Lapetina agosto 23, 2013 at 8:13 pm - Reply

    Ola, Marcus. No caso da M-AUDIO Fast Track Pro, não é possível eliminar o hub e usar a alimentação 9 volts dela própria? Grato e parabéns pelo trabalho!

    • musicapps agosto 25, 2013 at 4:39 am - Reply

      Sim. É possível. Necessário apenas confirmar se ela é compatível com o iPad. Abs

  15. Toninho Lapetina agosto 27, 2013 at 5:59 pm - Reply

    Olá, Marcus. Conectei minha Fast Track Pro com alimentação própria (9 volts – 500ma) e apareceu uma mensagem dizendo que o dispositivo requer alimentação muito maior… alguma dica? Vale salientar que sozinha, ela funciona perfeitamente alimentada pela fonte. grato mais uma vez. Abço!

    • musicapps agosto 28, 2013 at 2:08 pm - Reply

      Use um hub USB alimentado e o problema deverá se resolver. Abs!

Leave A Response